sábado, 18 de abril de 2009

dica 007 - Fazer a sua parte para combater a Crise Mundial

A Classe Média está borrando as calças de medo da crise. Nada melhor para aprender como se comportar nessas situações, do que observando-a agir em prol da Humanidade para conter a temida depressão econômica que vem chegando ao Brasil.
A palavra de ordem é "corte". Os médio-classistas vão cortar gastos em tudo o que for possível: salário da empregada, na conta do Pet-Shop, abastecer com ácool ao invés de gasolina, ir ao salão de 10 em 10 dias ao invés de a cada semana, trocar Häagen-Dazs por Kibom, beber vinhos sul-americanos e outros sacrifícios.
O sacrifício maior, todavia, será feito pelos arautos da bondade humanitária, que são os empresários, aqueles mesmos que enchem o mundo de justiça dando emprego aos necessitados. Na ótica desses deuses, os funcionários que tiverem a honra de continuar no emprego, ouvirão de seus líderes médio-classistas as razões para a justa redução dos salários. Afinal, todos estão juntos no momento de crise, todos têm que dividir as perdas. E isso significa continuar trabalhando, mesmo ganhando menos. Afinal, sem trabalho, sem geração de renda por suas empresas, fica difícil passar fim-de-semana em Ilhabela, Angra ou Escarpas.

6 comentários:

Agente 65 disse...

Bom início. Não esqueça de postar sempre.

Jens disse...

Oi Pierre.
Cara, gostei do teu blog.Percebo aqui a nobre intenção de disparar chumbo grosso contra a hipocrisia da classe média e do empresariado nacional (os defensores do capitalismo sem risco - isto é, ficam com os lucros e socializam os os prejuízos). É um bom combate. Já virei seguidor.
Um abraço.

Alan de Morais disse...

Genial...é revoltante e ao mesmo tempo muito engraçado...parabéns pelo blog

Todavía no... disse...

Não pare de postar, seu blog é muito bom! Parabéns!!

Douglas Yamagata disse...

Tudo o que você comentou concordo, sem contar com aquela velho jargão médio-classista: "Eu faço minha parte, e você?" Ou ainda: "Se todo mundo fazer a sua parte..."

Daí o cara contribui com as entidades filantrópicas e acha que a sua "parte" na sociedade já tá feita (inclusive o pedacinho do céu!).

Daí você convida para uma discussão sobre o bairro dele, sobre a categoria dele, que seja assunto importante, o cara diz: "já faço a minha parte".

Ah, médio-classista também não se envolve em partido (principalmente os de esquerda) por que é coisa de corrupto ou de pobre.

Ou seja, médio-classista acha que todo mundo tem culpa de tudo, mas ele não tem culpa de nada porque "faz a sua parte".

Anônimo disse...

Olha amiguinho eu so tenho uma coisa pra te diser meu pai é empresário com muito orgulho é lógico um pequeno empresário. So vou diser mais nos damos sim trabalho para mais de 100 pessoas obvio que ninguem ta fazendo caridade eles trabalham e são pagos infelizmente não podemos dar maiores regalias sociais alem daquelas previstas pela legislação pq somos uma empresa media emquanto mandar gente embora sim nós tivemos que fazer isso pq a crise ta fei pra todo mundo e vc o que faz estuda trabalha e talvez vc não acredite mas a minha mãe chorou quando mandamos pessoas aposentadas pq achávamos que o estrago seria menor sobre ganhar menos e continuar trabalhado isso é verdade ou vc prefere ter 0 de salário o que significa ser mandado embora as vesez casado e com filhos
Mas a LEALDADE esta em baixa mesmo. Um sujeitinho que foi chefe do departamento de vendas tinha ambição e foi trabalhar numa empresa America pq ele acha q talvez seja transferido para os states onde se encontra a filhota que esta em vias de fazer faculdade lá pois as nossas MESMO AS PUBLICAS NÃO PRESTAM . e digo mais esse idiota quando chegou na empresa não sabia nada NOS E QUE TIVERMOS QUE ENSINAR TUDO A ELE agora se vc fez faculdade deve saber a palhaçada que são os estágios e se já foi procurar emprego já sabe que TODAS as empresas já querem receber o funcionário já pronto.
Poderia discutir mais outras coisas aqui mas tenho que acordar cedo e ir trabalhar na empresa pq é disso que eu digo nos nos meus pais tiramos o nosso sustento
Muito boa noite